Diogo Piçarra anunciou, esta terça-feira, a sua desistência da final do Festival da Canção, onde era um dos favoritos à vitória.

A decisão foi comunicada através das redes sociais e surge após uma acusação de plágio referente à “Canção do Fim”, que levou a concurso e lhe valeu um lugar na final do certame.

“A toda esta família informo que decidi terminar a minha participação no Festival da Canção”, começa por dizer o cantor, que agradece “todo o apoio e carinho” que recebeu nas últimas horas, desde que rebentou a polémica.
“A minha posição mantém-se em relação à minha música, a consciência tranquila e a cabeça erguida. Mas não pretendo alimentar mais esta nuvem”, justifica o artista, favorito a representar Portugal na próxima edição do Festival da Canção.

“Tudo isto que se criou em torno da minha participação, já não é Música. Não quero deixar de dizer o orgulho que poderia ser representar o meu país num concurso como a Eurovisão, mas já não faz sentido nenhum sequer tentar ganhar essa oportunidade. A minha carreira e vida não dependem disto, só depende de vocês e nesse sentido sei que estarei para sempre bem acompanhado”, conclui.

In: record.pt